Como Renegociar Dívidas sem Precisar de Especialistas?

Atualmente, grande parte dos brasileiros adultos estão negativados. E a maioria das pessoas que integram esse grupo vive querendo saber como renegociar dívidas.

A verdade é que muitos especialistas oferecem esse tipo de serviço. Contudo, o valor cobrado pela renegociação pode ser muito alto as vezes, principalmente para quem está querendo tirar o nome do SPC ou Serasa.

Se você também quer saber Como Quitar Dívidas, sem precisa contratar um profissional de negociação. Não deixe de ler esse post até o final!!!

Dicas de como renegociar dívidas por conta própria

Qualquer pessoa pode entrar em contato com as empresas onde possuem dívidas para negociar os valores em aberto. Não é necessário aguardar feirões de limpa nome, ou até mesmo contratar empresas especializadas.

Mas, é importante que você coloque algumas dicas em prática para garantir uma boa negociação:

1.     Faça um levantamento completo de quanto você realmente deve

A primeira dica sobre como renegociar dívidas é saber realmente quanto você deve. Sente e anote todos os valores que precisam ser pagos.

Inclusive, é importante você saber o valor  real da sua conta, sem todos os juros e multas. Isso será fundamental na hora da negociação, para você ver se a proposta realmente é justa.

2.     Se tiver um dinheirinho guardado, prefira quitar a dívida a vista

Com o índice de inadimplentes aumentando cada vez mais, os bancos e operadoras de crédito estão desesperadas para receber. E justamente por conta disso, várias instituições bancárias reduzem e muito o valor total da dívida (incluindo juros, multas e taxas).

Se você oferecer o pagamento a vista, pode conseguir descontos de até 90% do valor final da dívida. Então, se você tiver um dinheirinho guardado e puder optar por essa forma de pagamento, é melhor.

Leia Mais:

Os 5 Melhores Aplicativos para Finanças Pessoais

Aplicativo do FGTS para Consulta de Saldo

Conheça 5 Aplicativos Para Aumentar sua Produtividade!

Como Resolver o Problema de Memória Insuficiente no Android!

Aprenda Alguns Truques Para Usar o Google Maps!

13 Serviços do Google que Muitos Não Conhecem

3.     Se for parcelar, cuidado para não assumir uma parcela maior do que pode arcar

Nem sempre as pessoas tem dinheiro para pagar a dívida a vista. Logo, o parcelamento acaba sendo uma alternativa.

Nesse caso, é importante avaliar com calma se as parcelas realmente cabem no seu orçamento mensal. Se você fechar o contrato mas voltar a atrasar os pagamentos, os juros serão ainda maiores.

E pior, as parcelas que já foram pagas serão praticamente jogadas no lixo. Então sente e faça os cálculos com calma para ter certeza.

4.     Veja quando sua situação será regularizada

Quanto antes você regularizar sua situação em órgãos como o Serasa e SPC, melhor. Afinal de contas isso vai interferir diretamente no seu crédito no mercado.

Por isso, sempre verifique em quanto tempo sua situação será regularizada. Geralmente, quando a pessoa parcela a dívida, o nome já é retirado no ato do primeiro pagamento do acordo.

Mas, existem empresas que só fazem isso depois do pagamento da última parcela. O ideal é negociar para que o seu nome seja retirado o quanto antes, para você já ter esse problema a menos.

Agora que você sabe como renegociar dívidas, não deixe de colocar essas dicas em prática. Assim, além de limpar seu nome, você ainda terá mais estabilidade financeira.

Fonte: Serasa consumidor

Compartilhe com amigos e familiares nos botões acima (facebook, twitter, pinterest) 

Adicionar Comentário